13 de mai de 2013

Labirinto

Já faz mais de mês que voltei à minha fisioterapia com N.  Já sinto melhoras.  Não sei se é da minha cabeça, ou se é realmente do meu corpo, mas já percebi pequenas mudanças.

Duas sessões semanais é o que tenho feito agora.  Aliadas à minha academia (que vou todo dia), acho que tá de bom tamanho!  Como pedi a ela, estamos focando num ajuste "fino" que preciso.  Firmar mais meu joelho, pé direito, fortalecer mais o corpo em geral, pois no meu dia-a-dia tendo a forçar mais o lado esquerdo (que é o lado "bom"), equilibrando assim os dois lados.

Também cheguei a uma conclusão com ela que foi muito esclarecedora.  Meu labirinto continua afetado, pelo menos parcialmente.

Descobri isso por acaso.  Não cheguei a comenter aqui, mas tive uma crise de labirintite há mais ou menos 2 meses.  Sou tão "bichada", que resolvi meio que ignorar a situação.  Afinal de contas, o que é uma crise de labirintite para quem passou o que eu passei?

Pois é... é não é que ela tá me ajudando! (a fisioterapeuta)!


Essa minha crise de labirintite foi motivada por um "cineminha dominical", sem maiores pretensões.  Acontece que o som do cinema tava MUITO alto, ensurdecedor. E qual era o filme????  DJANGO!!! ou seja, junto a "fome com a vontade de comer".  Além de estar num volume mega alto, o filme é MEGA violento (Tarantino, eu sei), cheio de tiros e uma trilha sonora emocionante.  Conclusão:  comecei minha crise de labirintite logo umas 5horas depois do filme, de madrugada mesmo, acordado com a sensação de vertigem.

Toma remedinho daqui, mantém a cabeça mais firme dali e sem movimentos bruscos consegui melhorar a condição depois de uns 20 dias.  Mas, ao estimular meu equilíbrio na fisioterapia, a tontura apareceu.  Não como labirintite, mas como um sinal pra me mostrar que o meu labirinto ainda não está 100%.  Condição esta ainda dos AVCs...

Ou seja: entra sessão, sai sessão, ela continua a estimular meu labirinto (=equilíbrio) a fim de recuperar o mesmo.  Saio de lá sempre "enjoadinha", mas tenho que superar isso, afinal de contas ele foi meio bagunçado depois dos AVCs.

Tudo para encontrar o EQUILÍBRIO perfeito!


Nenhum comentário:

Postar um comentário