17 de out de 2011

UTI - Parte 1 - AVC


Nunca em minha vida havia ficado em um UTI.  Ninguém merece!  Não são pelos profissionais, mas pelos malditos cabos.  Será que não teremos um UTI wifi????
Ali foi o meu primeiro contato real com serviços médicos.  Devo ter acordado no dia seguinte, meio grogue pelos medicamentos.  Só me lembrava do episódio do parque, não da minha odisséia pelos hospitais de Brasília. Graças ao que me deram, eu não passei por isso consciente!
Agradeço a todos que me ajudaram nesses dias.  Sei que não trabalham apenas dinheiro (que aliás é pouco pelo serviço que prestam).  A minha "primeira" UTI foi tranqüila. Eu falava, comia bem, passei a maior parte do tempo consciente.  Tempo necessário para minha recuperação. Fiquei até "popular" por lá! Fazia amizade fácil com quem estava ali cuidando de mim.
O tempo passou rápido, me transferiram para outra UTI pois eu me encontrava a maior parte do tempo consciente.  Tinha até TV lá. A primeira notícia do mundo que eu me lembro foi a morte de Amy Winehouse... Coisas da vida...

5 comentários:

  1. Olá Adriana , Parabés por esta vitória!!! UTI é difícil mesmo! Estou passando por isso com meu pai que sofreu um AVC de tronco, e está tetraplégico, acredito porfundamente que este estado é provisório, ele vai se levantar!Sua história inspira e ajuda a quem está passando por esta dor, diretamente, que é caso dele, e indiretamente, nós a família, que ficamos tão pequenos diante destas situações que a vida nos impõe... gratidão e sucesso querida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns, Adriana! Você mencionou que teve 2. Quando teve o outro? Foi do mesmo lado?
      Anônimo 31 de julho... força! Eu sei o q vc está passando. Minha mãe teve AVCI bilateral. Está sem falar, os médicos dizem que é um coma. Eu não acredito porque tem fé que ela pode ter um pouco de melhora. Seu pai está consciente? Está respirando sozinho? Está com traqueo? Abs.

      Excluir
    2. Tive o meu segundo AVC no hospital ainda, 7 dias depois do primeiro, quando sai da UTI para o quarto normal (dias 16 e 23 de julho de 2011).

      Excluir
  2. Ola,Adriana,meus parabens pela sua vitoria!
    Conhecia o AVC,ate entao de nome,nao sabendo,o quao vitimas morrem desse mal,
    Meu pai,com 49 anos,teve o hemorragico em Abril desse ano,e gracas a FE,FORCA,ORACAO e principalmente a DEUS,ele saiu sem nenhuma sequela...
    Nao precisando fazer nenhum tipo de tratamento,somente os medicamentos..q ele toma regularmente...mas ele ainda sofre de mtas dores de cabeca,pode me dizer se e comum? Tem neuro q fala,q e comum,por ele ter tido um grande sangramento..mas tem varias dores,so de cabeca...
    pode me ajudar,me indicar algum tratamento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que boa a notícia que seu pai está bem. Infelizmente eu não posso dizer nada quanto às dores de cabeça. Com certeza vcs estão sendo bem acompanhados com o neuro. Mas procure outra opinião, podem aparecer com alguma solução para o problema de seu pai.
      Boa sorte!

      Excluir