27 de nov de 2011

Boa-forma - AVC

Em um determinado período da minha recuperação, eu cheguei a pensar: "De que valeu a minha dedicação a academia, além de muitas vezes comer uma comida insosa, só porque era mais saudável, se isso me aconteceu?".
Hoje esse pensamento já não me pertuba.  Tenho certeza que todos esses anos dedicados à atividade física, combinados com uma dieta saudável, foram determinantes para a minha recuperação.  O médico neurologista do SARAH que me atendeu disse categoricamente "Adriana, para o que você teve, eu esperaria que você tivesse em uma cama, sem andar e sem falar."  Depois de saber que eu tinha o risco de ficar com uma Locked-in Syndrome eu dei graças à minha perseverança!
Agradeço todos os dias (além de já ter agradecido direto à pessoa), de ser (eu quase escrevi "de ter sido") aluna de ginástica do "MP" há tanto tempo aqui em Brasília, desde 1998.  Ele me deu uma consciência corporal que hoje eu vejo a diferença por tê-la, pois a fisioterapia se torna muito mais "fácil" depois de tudo que fiz.

 
 
Não me sinto frustada de levantar um halter de 2kg, como se estivesse fazendo força para um de 8 kg!  O que para mim é importante é que eu já consigo levantar.
Minha amiga "N" disse que ia trazer minha velha conhecida caneleira de 10kg para eu fazer meu exercício de parte interna da coxa como se nada tivesse acontecendo (detalhe: o peso dobrava, 20kg, pois usávamos 2 canelereiras em uma perna só).
Hoje com minha caneleira também de 2kg morro ao fazer os exercícios.  Tudo bem, isso é uma questão de tempo.  Em breve estarei fazendo minha musculação sem esforço.
O que quero deixar aqui registrado, é que temos uma memória motora registrada em alguma parte do nosso corpo, e quando ela é ativada conseguimos fazer o exercício com mais facilidade.
Tenho certeza que meu sucesso hoje na fisioterapia se deve a várias horas "suando a camiseta".  Tenho consciência que essa minha vida "regrada" está me ajudando em muito em minha reabilitação.
"Salve a Mãe-Rússia!"

2 comentários:

  1. Prima, emocionante seu blog. Importante divulgar a sua melhora e suas conquistas diárias, além de nos fazer acreditar sempre mais, tenho certeza de leva muita esperança para várias pessoas que tiveram um AVC.
    Estamos sempre com vc. Na luta para você ficar 100% e sei que esse dia esta pertinho. Te amo e estarei sempre ao seu lado. Beijos Cla

    ResponderExcluir
  2. Salve a mãe Russia!!! Já estou vendo você lá toda irritante levantando aqueles 20 kilos lá no alto, muito chic, com cara de paisagem, enquanto nós, pobres mortais malhadoras comuns, estamos estrebuchando, suando e xingando e levantando a perna 1/3 a menos do que você!!

    ResponderExcluir