12 de jan de 2012

Sem Férias - AVC

É duro nessa época do ano ver tantos amigos e familiares viajando e "você" recusando, apesar dos convites.  Não tem problema não, em breve estarei podendo curtir essas viagens como eles.

Minhas viagens no momento encontram-se na minha cabeça.  Dentro dela é impressionante o que posso fazer.  Não é à toa que ela tem me conduzido a lugares inimagináveis atualmente.

Desde a montagem do meu quebra-cabeça, com a Piaza de Spagna estampada, vou já me imaginando subindo aqueles degraus, pois em breve ei de fazer aquilo de verdade!  Esse é um exemplo das minhas viagens interiores.

Sempre falo que quando estiver recuperada, o promeiro lugar que quero ir é numa praia maravilhosa do nosso vasto litoral.  E eu irei, saibam disso!  Vou dar férias para mim, mas levando o meu anjo-da-guarda para me acompanhar.


Meu anjo precisa, mais do que ninguém, ter a possibilidade de aproveitar um lugar desses.

Nem preciso falar de mim: andar na areia recém molhada por uma onda, sentir a água do mar envolvendo o meu corpo, sentir a textura da areia sob os meus pés, o calor do sol na minha pele (lotada de filtro-solar, pois não pretendo estragar minhas primeiras férias com um descuido desses, lógico).

Em breve, farei isto!  Tenho certeza!

Em oposição ao meu último post, sobre chuva, tinha que apresentar uma linda praia.  Muita inveja branca nesse momento, quando outros estão curtindo esse tempo de verão.

Emquanto isso passo o meu verão, sem arrependimento nenhum, ralando muito, em busca da minha reabilitação.  Estou cuidando de coisas para muitos imperceptíveis, mas que, para mim que conheço meu corpo muito bem, esses pequenos detalhes fazem a diferença.

Desde uma respiração, sendo treinada pela fono, para conseguir uma impostação de voz correta, até pesos para reabilitar meu braço, é importante demais nesse momento.  Não é à toa que busco os meus 120%.

A minha escalada do Everest é interna.  Estou "passando" por lugares muitas vezes não imaginados por mim durante essa reabilitação.  Cruzando o corpo físico sem fronteiras, busco minha recuperação!

2 comentários:

  1. Enquanto você postava, nosso pequeno Antonio fazia alguns primeiros exercícios. Já hoje aprendemos algumas dicas importantes. Bom começo. bj

    ResponderExcluir
  2. Que bom! Sucesso no tratamento! Beijos

    ResponderExcluir