1 de jan de 2012

Início 2012 - AVC

São tantas coisas prometidas... Tantas tarefas a cumprir... Não vou me desviar de meu foco, já que ele se faz tão presente hoje em dia.
Primeiro post de 2012... Significa alguma coisa? Sim, significa que eu venci!  É muito, não? Vencedora, corredora, superadora de seus limites (quais?)... Lá vou eu mais alguns meses atrás da minha reabilitação.  Tá dando super certo.  Por algum motivo, que pouco sei explicar, está dando certo.  Pra que mudar a fórmula?  Como dizem, "time que está ganhando não se mexe", ou como minha amiga "M" falaria, "time que está ganhando, se mexe!"rsrs.
Em algum momento de 2011, eu me considerava invencível... Não como um super-herói, mas como uma mortal que não aonteceria nada... que eu continuaria na minha dita "imortalidade". Tudo isso mudou em julho de 2011, mês que eu faço questão de esquecer!  Mas que os meses subsequentes não entrarão nesse rol.  Meses de vitória, uma atrás da outra! Obrigada!
Tenho certeza que sairei zerada disso, não me contento com menos.  Estou, literalmente, correndo atrás de meus objetivos.   Tudo se faz pequeno nessa hora.  Tão importante manter meu foco.  Acho que sem ele muita coisa teria sido diferente!
Imagino que para muitos, sair de uma situação dessas não é nada fácil.  Físico diferente, idade variada, grau de motivação, objetivos a serem alcançados... Não teria como escrever todas as variáveis para uma reabilitação.   Como falo, e repito, cada caso é um caso!


Meu balanço da 2011 não é bom, mas não posso negar tantas conquistas minhas.
Isso é o que conta no final.  Sinto que sou hoje uma pessoa mais leve... Apesar da tudo o que aconteceu, consigo rir de besteiras simples.  Vai que o circuito queimado era o da seriedade.  Sorte a minha ele ter sido queimado! 
Sou uma pessoa mais leve, apesar de "carregar" meus membros de forma bem consciente.  Quantos de nós precisamos disso no presente?  Não estou dizendo (longe de mim) que quero que isso aconteça com cada um de vocês, longe de mim mesmo!
Infelizmente (não é para usar outra palavra, não!) somos tragados pela rotina, que nos faz agir assim.  Compromissos, compromissos e compromissos. Não temos a habilidade de equilibrar isso.  Quem tem a fórmula, que repasse por favor....
Tenho medo de ser engolida pelos compromissos novamente.  Espero que não!  Esse será um dos meus objetivos para 2012!  Vou tentar, juro!

6 comentários:

  1. O seu medo é meu medo! Assim que você receber a fórmula 'mágica' me conta, tá?!
    Feliz 2012, que as vitórias, ainda que pequenas, aconteçam todos os dias do novo ano!!
    Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Pode deixar, nem me darei ao trabalho de registrá-la no INPI...rs
    A grande vantagem do que estou vivendo é que aprendi a "trocar" as pequenas pelas GRANDES vitórias, por menores que sejam.
    Esse é o espírito!
    Feliz 2012!
    bjks

    ResponderExcluir
  3. Mana, vi o quanto o ano de 2011 foi duro com você, mas diz o ditado que o que não mata a gente nos torna mais fortes. Disso eu não tenho a menor dúvida, você está mais forte do que nunca!
    Sua recuperação tem sido inacreditável até mesmo para os médicos. Que Deus te abençõe com muita coisa boa neste ano de 2012 e que continue um trabalho lindo que você iniciou aqui neste site.
    Bjs,
    Bella

    ResponderExcluir
  4. Obrigado, mana. Que sejamos abençoadas! bjs

    ResponderExcluir
  5. Ricardo Amaraljaneiro 02, 2012

    Adriana, nossa imaginação é uma fronteira sem limites. E nós, seres humanos, também. Não adianta alguém especular que em alguma situação fará assim ou assado. Quando nos deparamos com algum acontecimento inusitado, teremos igualmente uma reação inédita. Alguns reagirão com determinação. Outros, não. Mas, como você mesmo disse, cada caso é um caso. E, no seu caso, sua recuperação foi milagrosa, como disse sua irmã "I". Tenho certeza, como fica claro neste blog, que a sua coragem e vontade de vencer foram preponderantes para esse milagre. Força! Continue assim! Tenho fé de que é só o começo. Parabéns e, mais uma vez, digo: VAMOS EM FRENTE! Ricardo Amaral.

    ResponderExcluir